domingo, maio 23, 2004
 
:: O universo tá lhe vendo!

Um amigo (ou dois, nunca sei direito, gêmeos são a maior sacanagem que a natureza já produziu) do meu irmão vem dizendo essa profética frase há anos e eu nunca dei muita bola. Não sei se o sotaque potiguar dele me distraía da profundidade da sentença (ah, sotaques...), não sei se é porque ele sempre diz isso quando está todo mundo bêbado no Dolores às 4 da manhã, não sei se o problema é o fato de eu sempre estar tensa tentando saber se ele é ele ou o outro, e vice-versa. Pois hoje eu finalmente entendi, na pele, o importante aviso que ele está trasmitindo pelo mundo:

Lei do karma existe, funciona e é implacável.

Que bela merda!