domingo, setembro 28, 2003
 
:: Hermeto e Naná Vasconcelos

Podem crer que hoje me locomovi até o SESC Itaquera pra ver um show dessas duas figuras? Pois bem. Eu decidi que Hermeto é um gênio mesmo, mas longe de mim. haha Pô, aquilo é uma zona de instrumentos, não dá pra localizar nada, não há melodia... Sei lá, saí exausta do show. O cara é fantástico, ok. Os discos dele são bacanérrimos. Mas, menos, né? O show é meio zona demais e ele fala, fala e não diz nada. Eu, pelo menos, não entendo uma palavra que o cara fala. E você, entende? Já o Naná é um gênio longe e perto de mim. Figurão, um gingado absurdo e uma interação com a platéia de arrepiar. E isso, de fato, aconteceu comigo. Fiquei arrepiada e ridícula. Tive que vestir o "mini" casaco do Di.