terça-feira, abril 01, 2003
 
:: Cartas e literatura

(ao som de alguma trilha de piano clássico)

Hoje, antes da terapia, fiquei em uma banca da Faria Lima procurando meu próximo livro: “Os sofrimentos do jovem Werther”, de Goethe. Tenho uma ligação especial com livros contados por meio de cartas. Talvez por eu ter esta tendência de me comunicar por elas, guardar alguns segredos na gaveta, deixar outras mofando e ter sempre a sensação de que todas elas dariam uma boa história e revelariam alguns dos meus grandes mistérios. Entre os “TOP 5” deste gênero estão: “Relações Perigosas”, de Choderlos de Laclos; “Paula”, de Isabel Allende; “Carta ao pai”, de Kafka; e agora este do Goethe... Todos fazem parte da minha “biblioteca predileta”.